O Representante da República para a Madeira participou na Festa de Natal do Recluso, no Estabelecimento Prisional do Funchal

Ireneu Barreto, Representante da República para a Madeira, esteve hoje na Festa do Recluso, realizada no Estabelecimento Prisional do Funchal, onde deixou uma palavra de esperança a todos os que cumprem penas de prisão.

Recordando que todos os reclusos “são necessários à sociedade”, apelou a que usem o tempo no Estabelecimento Prisional para “valorizarem-se profissionalmente e academicamente”, de forma a que possam ter um futuro melhor.

“O tempo que vos espera lá fora tem de ser preparado cá dentro”, referiu Ireneu Barreto, frisando que “ao mesmo tempo que o Estado tem o dever de vos exigir que cumpram as penas a que foram condenados, tem também o dever de vos ajudar a voltar à sociedade”.

Salientou ainda que este estabelecimento prisional “tem condições para que saiam daqui melhor preparados” para enfrentar os novos desafios.

Nesta visita para assinalar a Festa de Natal dos reclusos, recordou o Natal de 1966, passado no meio da floresta, numa missão militar. “Estava longe da família e dos amigos e hoje, olhando para vós, lembro-me de ter sentido uma tristeza profunda, uma saudade infinita”, ultrapassada pelo facto de saber que se tratava de uma situação transitória.

“É esta ideia que têm de ter, algo transitório, e que vão regressar aos amigos, à família e à sociedade livre”, referiu o Representante da República, tendo deixado uma palavra de apreço aos guardas prisionais e ao director do Serviço prisional “que se esforçam todos os dias para fornecer as condições necessárias” aos reclusos, esperando que essa vontade de regressar à sociedade “possa ser bem conseguida”.

Fonte:https://www.dnoticias.pt/madeira/ireneu-barreto-relembra-que-todos-os-reclusos-sao-necessarios-a-sociedade-CG5558567