Guardas Prisionais descontentes com inércia do Ministério da Justiça

O Sindicato Nacional do Corpo da Guarda Prisional emitiu hoje um comunicado onde manifesta a indignação quanto ao comportamento do Ministério da Justiça relativamente ao incumprimento relativamente a muitos aspectos relacionados com o estatuto profissional, que estão ainda por regulamentar.

O SNCGP refere que o actual Governo em gestão foi e continua a ser o máximo responsável pela inércia como tem lidado com os assuntos respeitantes ao Corpo da Guarda Prisional, sem nunca ter valorizado suficientemente o papel fundamental dos guardas prisionais, quer ao nível da manutenção da ordem, disciplina e segurança dos estabelecimentos prisionais, quer o contributo válido para reinserir socialmente a população reclusa.

Ao invés do reconhecimento demonstrado por outros Ministros e Directores Nacionais responsáveis pelas demais forças de segurança, temos uma Ministra da Justiça e um Diretor-geral que parecem não assumir publicamente as funções de carácter imprescindíveil do CGP para o pleno funcionamento da DGRSP e das respectivas unidades orgânicas.

Fonte:https://www.dnoticias.pt/pais/guardas-prisionais-descontentes-com-inercia-do-ministerio-da-justica-FB5333214