No dia 11, quarta-feira, teve lugar uma concentração de guardas prisionais junto ao Estabelecimento Prisional de Coimbra, contra o horário de trabalho imposto pelo director-geral, cuja demissão voltou a ser exigida pelo Sindicato Nacional do Corpo da Guarda Prisional. Na concentração, que marcou o início de uma semana de greve naquele estabelecimento, compareceu uma delegação do PCP, da qual fez parte Manuel Rocha, eleito na Assembleia Municipal de Coimbra.

Fonte:http://www.avante.pt/pt/2316/trabalhadores/149652/Guardas-prisionais-param-em-Coimbra.htm

Adicionar Comentário

O seu email não será publicado. Os campos marcados são obrigatórios *